pokerstars

Se você está entre os muitos consumidores que hoje almejam ter um SUV na garagem e não tem muitas limitações de orçamento, aqui está uma boa opção: o XC60 é o carro mais vendido da Volvo no Brasil hoje, e também o híbrido plugável mais vendido do País.

E agora ele acaba de ganhar melhorias para combater os rivais de luxo alemães Audi Q5 TFSI, BMW X3 e Mercedes-Benz GLC.

Eu pagaria sem hesitar R$ 439.950 neste Volvo XC60 Ultimate Dark, pois não tenho dúvida de que o investimento vale a pena. Ainda mais com a carroceria nesta tonalidade vermelho Fusion Red e as rodas de 21” calçadas por pneus runflat 255/40. Só senti falta de um logotipo no exterior para diferenciar a versão.

Com mínimos ajustes, cheguei a uma ótima posição de dirigir. A cabine minimalista encanta pelo quadro de instrumentos digital de 12,3” e pela central multimídia com tela de 9” e sistema Google Automotive.

Volvo XC60
A cabine tem acabamento de primeira e design tipicamente escandinavo, mas abusa dos comandos sensíveis ao toque: mais botões físicos seriam bem-vindos

+Especial de eletrificação: híbridos plug-in são os mais elétricos dos híbridos
+Híbrido BYD Song Plus faz 38,4 km/l na cidade, diz Inmetro
+Volvo XC40 é o elétrico mais vendido do País; confira o ranking
+Compra do Ano 2023/SUV Premium: Volvo XC60

Contudo, achei a interface pouco intuitiva; curtia mais o antigo Sensus. Mesmo assim, o som Harman-Kardon de 660W com 14 alto-falantes e subwoofer despeja muita pureza sonora.

Tenho 40 anos e não sou pai de família, mas o entre-eixos de 2,865 m garante bom espaço para pernas e joelhos dos eventuais ocupantes do banco traseiro, e o porta-malas de 468 litros atende com folga às minhas necessidades.

Logo nos primeiros metros ao volante, já senti mais disposição: o motor elétrico agora tem 147 cv e 309 Nm (31,5 kgfm), sendo alimentado por uma bateria 62% maior.

Em conjunto com o 2.0 turbinado, são 468 cv e 709 Nm (72,3 kgfm) – oque faz do Volvo XC60 um “canhão” que acelera de 0 a 100 km/h em 4,8 segundos, sem ligar para seus 2.174 kg.

PreviousNext

O cluster digital com o mapa do Google integrado, a tela central estilo tablet que tudo comanda, a alavanca de câmbio e o botão de partida giratório, junto aos comandos do freio de mão elétrico.
No detalhe, os comandos da tampa traseira motorizada

Tudo é orquestrado pelo câmbio de oito marchas, e o consumo é tão formidável quanto seu desempenho.

Pude rodar até 70 quilômetros sem queimar uma gota sequer de gasolina, e ainda registrei 26 km/l na cidade no modo híbrido (com a bateria descarregada, porém, o consumo oscilou entre 8,6 a 10 km/l no trânsito leve/moderado, ainda um bom número).

O legal é que dá para guiar este Volvo XC60 apenas com o pedal do acelerador, com a alavanca em B, e, além disso, ele ainda tem os modos Charge (recarrega a bateria usando o motor a combustão), Hold (segura a carga para ser usada depois) e Pure (100% elétrico).

A entrada Tipo 2 permite “encher o tanque” usando estações de carregamento rápidas ou mesmo uma tomada comum.

O Volvo XC60 foi eleito a Compra do Ano 2023na categoria SUV Premium, e é também minha escolha. Embarque sem medo de ser feliz.

Rafael Poci Déa | Repórter

Volvo XC60

Contraponto

● Concordo com o Rafael em relação ao bom custo-benefício deste Volvo XC60, considerando os atuais preços absurdos do mercado como um todo e o preço dos concorrentes dele.

Para meu perfil de consumidor – pai de família com filhos pequenos, uso prioritariamente urbano, viagens na maioria com distâncias entre 100 e 200 quilômetros – este Volvo XC60 é um modelo “sob medida”, tanto pela possibilidade de ficar alguns dias sem usar gasolina quanto pela de economizar nessas viagens curtas.

Como disse o Rafael, quando necessário, o desempenho é de tirar o fôlego. Mas discordo dele em relação ao sistema multimídia: com o uso do Android Automotive, as funções do carro ficaram mais interligadas, e o sistema não é ruim.

Volvo XC60

O problema foi a adoção em massa das telas sensíveis ao toque: podem dar um ar chique à cabine e combinar com o design nórdico, mas, na estrada ou no trânsito, ainda é mais fácil usar controles que você pode sentir com as mãos, sem desviar tanto a atenção da direção.

Pelo menos há os sistemas semiautônomos, incluindo a frenagem de emergência, para evitar acidentes. Gosto do SUV, mas, por este valor, prefiro investir no também híbrido sedã BMW Série 5.

Flávio Silveira | Editor

Considere também esses concorrentes

Audi Q5 TFSI e Performance (R$ 435.990)
Tem bateria de 17,9 kWh e motor de 367 cv e 498 Nm. O alcance puramente elétrico fica entre 56 e 62 quilômetros. Leia a avaliação completa

PreviousNext

 

 

 

Mercedes GLC 220d Off-road (R$ 429.990)
Oferece motor a diesel 2.0 de 184 cv e 400 Nm e câmbio de nove marchas. Mas já ganhou uma nova geração no exterior. Leia a avaliação completa

PreviousNext

FICHA TÉCNICA

Volvo XC60 Recharge Ultimate Black T8 Plug-in Hybrid

Preço básico R$ 399.950
Carro avaliado R$ 439.950

Motores: quatro cilindros 2.0 16V, turbo e compressor, injeção direta, duplo comando variável + elétrico traseiro
Cilindrada: 1969 cm3
Combustível: gasolina e/ou bateria
Potência: 310 cv a 6.000 rpm + 147 cv = 468 cv
Torque: 400 Nm a 2.200 rpm + 309 Nm = 709 Nm
Câmbio: automático, oito marchas
Direção:elétrica
Suspensões: braços sobrepostos (d) e multilink (t)
Freios: discos ventilados (d/t)
Tração:integral
Dimensões: 4,708 m (c), 1,902 m (l), 1,651 m (a)
Entre-eixos: 2,865 m
Pneus: 255/40 R21
Porta-malas: 468 litros
Tanque: 70 litros
Bateria: 18,8 kWh
Peso: 2.174 kg
0-100 km/h:4s8
Velocidade máxima: 180 km/h
Consumo cidade: 26,7 km/l
Consumo estrada: 24,3 km/l
Emissão de CO2:29g/km
Consumo nota A
Nota do Inmetro:A
Classificação na categoria: A (SUV 4×4)

+ Rodízio de veículos em SP está suspenso durante o Carnaval
+ Novo BMW X1 é oferecido por assinatura; veja como funciona
+ Carro Usado: Renault Kwid é econômico ao extremo; vale a pena?
+ Confira quais são os carros 0km mais baratos do Brasil em 2023
+ Veja qual é o significado dos códigos de erro nos painéis dos Chevrolet
+ Teste rápido: GWM Haval H6 GT PHEV seduz pela construção e pela dirigibilidade
+ Mini-Renegade é eleito o melhor SUV familiar do mundo por júri feminino
+ SUVs mais vendidos: motivos pra comprar (e pra não comprar)
+ Carro por assinatura vale a pena? Confira um guia completo com preços, vantagens e desvantagens
+ Motorhome Asterix: conheça a Renault Master com kit personalizado
+ Comparativo – desafio aos mais vendidos – SUVs médios: Chevrolet Equinox vs. Jeep Compass
+ Comparativo – desafio aos mais vendidos: Honda City Sedan vs. Chevrolet Onix Plus
+ Comparativo – desafio aos mais vendidos: Honda HR-V vs. Volkswagen T-Cross
+ Comparativo – desafio aos mais vendidos: Peugeot 208 vs. Hyundai HB20
+ Comparativo de Carros Elétricos: Peugeot e-208 GT vs. Mini Cooper SE vs. Fiat 500e vs. Renault Zoe

pokerstars Mapa do site